O Perfil da Geração Y

Geração Y
Geração Y

Rosângela Barreto (Rose)

 

Se você é da geração Y e entrou em determinada empresa como estagiário ou trainee, certamente deve se deparar, de vez em quando, fazendo uma avaliação da empresa, bem como de suas próprias posturas em relação aos colegas e ao seu gestor. Saiba que isso não acontece por acaso!

A geração Y é crítica quanto ao ambiente em que está inserida e possui um modo de pensar que difere do modelo tradicional estabelecido pelos baby boomers e pela geração X. A seguir, confira algumas dicas sobre como esse jovem pensa e age em suas relações de trabalho.

– Identificação com a empresa. A geração Y não espera permanecer em um mesmo local de trabalho durante 20 anos. Por outro lado, eles estão dispostos a trabalhar horas a fio se sentirem uma conexão genuína com os valores da organização. Portanto, desde o começo, procure conhecer a missão empresarial e converse com funcionários que estejam lá há mais tempo. Isso pode servir de incentivo para que você realize suas funções com mais dedicação.

– A geração Y não espera ter apenas um chefe. Essa é a única geração que nunca quis trabalhar apenas para um chefe ao longo de sua carreira. Os Ys não se sentem incomodados com o job rotation, pois vêem a ferramenta como uma oportunidade de crescimento. Aproveite o seu espírito inovador e se esforce ao máximo para ter uma visão global da empresa – isso pode te trazer grandes frutos no futuro!

– Sensação de poder com grandes expectativas. Muitos jovens da geração Y se sentem poderosos. Agem como se o chefe devesse algo a eles por sua presença dentro da empresa. Porém, é preciso lembrar que a noção de poder é um comportamento 100% aprendido no ambiente. Há toda uma influência da educação e da criação recebidas, fazendo com que os Ys pensem de determinada forma. Ainda assim, lembre-se de que você deve se adaptar às necessidades de seu gestor. Atender a pedidos com certo sentido de urgência é um grande diferencial!

– Necessidade de gratificações e resultados tangíveis. A geração Y possui acesso a tudo e a todos – desde o fast food até as mensagens instantâneas. Isso os ensinou a ter pouca paciência e uma curta atenção concentrada, buscando progressos contínuos em cada aspecto da vida. Tudo o que desejam saber é o que se espera deles, oferecendo gratificações e benefícios constantes pelo trabalho realizado. Entretanto, é importante ter consciência de que nem sempre o seu gestor terá a disponibilidade para te acompanhar como você deseja. Tenha paciência no inicio e vá, aos poucos, investindo em sua autonomia.

– Uma nova relação com a tecnologia e a comunicação. Essa geração cresceu com o boom da internet e com os avanços da comunicação móvel. Os baby boomers costumam dizer que a geração Y é tecnologicamente avançada. Não é bem isso – esses jovens são tecnologicamente dependentes. Eles não sabem como a tecnologia funciona, mas têm plena consciência de que não podem viver sem ela. Tenha humildade para aprender o que ainda não sabe e lembre que nem tudo diz respeito à hi-tec. Solicite diálogo e conversas presenciais por parte de seus colegas.

– Necessidade constante de feedback. Se a empresa só oferece feedbacks anuais, certamente não irá atrair a geração Y. Eles precisam de feedback regularmente, de preferência duas vezes por mês. Porém, não é necessário que seja uma avaliação extensa. Um check-in de 5 minutos já faz os Ys felizes, pois significa que os gestores notaram a sua presença dentro da empresa. “Você fez um ótimo trabalho!”. Apenas isso, nada mais. Assim, valorize cada gesto de aprovação de seus companheiros de trabalho e mostre a eles que você se importa com isso!

Talvez essas características não soem inicialmente como aliadas à entrada da geração Y no trabalho, mas elas existem e devem ser bem gerenciadas. Além disso, se você conseguir perceber seu próprio jeito de agir e lidar com os demais, facilitará muito o trabalho do seu gestor no momento de avaliação e desenvolvimento!

Descubra o melhor que há em você e boa sorte!
por Tatiana Kielberman

.

.

.

Rosângela Barreto é formada em Comunicação e Letras, exerce a função de Executiva de Contas em Recuros Humanos há 24 anos, nas horas vagas adora cozinhar e inventar pratos diferentes

Clique aqui e veja mais artigos e dicas de Rosangela Barreto (Rose)

Para você configurar seu avatar com sua foto, para que esta fique visível nos comentários, siga os três passos:

1. Vá até www.gravatar.com, clique em SIGN UP.

2. Adicione o e-mail que você utiliza em seus comentários aqui.

3. Complete o cadastro

.

.

 

 

Rosângela Barreto é formada em Comunicação e Letras, exerce a função de Executiva de Contas em Recuros Humanos há 24 anos, nas horas vagas adora cozinhar e inventar pratos diferentes

Deixe um comentário