Partido do Povo

José Antonio Karacek

 .

Nesta altura do campeonato, a última coisa de que precisamos é de um novo partido político. No Brasil, partido político nada mais é do que um grupo de pessoas com interesses próprios que buscam na política a chance de usar as verbas públicas e chegar há algum cargo para sugar dinheiro dos cofres públicos.

Feirão-de-novos-partidos

Nesta semana, mais dois partidos políticos foram criados para juntar-se aos já existentes e tirar uma ‘casquinha’ do Brasil. O PROS (Partido Republicano da Ordem Social) que será representado pelo numero 90 e o SDD (Solidariedade) que terá o número ’77’ como representação  nas eleições de 2014.

Agora são 32 quadrilhas partidos existentes no Brasil e ainda estão em busca de assinaturas para seu registro junto ao Tribunal Superior Eleitoral, outros dez: o Partido Liberal Brasileiro (PLB), Aliança Renovadora Nacional (ARENA), Libertários (LIBER), Partido dos Servidores Públicos e dos Trabalhadores da Iniciativa Privada do Brasil (PSPB), Partido Federalista (PF), Partido Militar Brasileiro (PMB), Partido Novo (NOVO), Partido Pirata do Brasil (PIRATAS), Partido Ordem e Progresso (POP) e a tão falada Rede Sustentabilidade, da ex-senadora Marina Silva.

Com toda a ladroagem que está ocorrendo com os partidos já existentes e com mais todos esses que estão em fase de criação, o povo só tem uma alternativa: juntar-se e também criar um novo partido, o PPF (Partido do Povo F…).

José Antonio Karacek é catarinense, Deficiente Físico, Colunista, Idealizador e administrador do Blog Cotidiano Em Foco, além de ser mais um cidadão indignado com a atual política brasileira

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.