Gilberto Vieira de Sousa

..

Recebi o texto abaixo em uma apostila que foi utilizada nas aulas de língua portuguesa no SENAI, em 1984, quando eu fazia o curso de Manutenção Elétrica.

Espero que goste da leitura!

Em certa ocasião, uma família inglesa foi passar as férias na Alemanha. Aproveitaram para alugar uma casa para o ano seguinte.

De volta à Inglaterra, falando sobre a casa, a senhora lembrou que não tinha visto o W.C. Imediatamente, escreveu para o pastor (dono da casa), a seguinte carta :

“Caro Pastor, Sou da família que alugou a sua casa para o próximo verão. Como esquecemos de um detalhe muito importante, estou escrevendo para que o senhor nos informe onde fica o W.C. Muito Obrigado. “

Não compreendendo o significado exato da abreviatura W.C. , o Pastor achou que se tratava da capela da seita inglesa “White Chapel” , e então respondeu:

Em certa ocasião, uma família inglesa foi passar as férias na Alemanha. Aproveitaram para alugar uma casa para o ano seguinte..
Onde Fica o WC?

 

“Minha senhora, Recebi sua carta. Tenho o prazer de comunicar que o local ao qual se refere fica a 12 Km da casa.
A W.C. é muito cômoda, sobretudo para quem vai lá freqüentemente.
Temos lugar para 400 pessoas sentadas e 100 em pé, ar condicionado para evitar mau inconvenientes causados por aglomeração e assentos de veludo.
Recomendamos que a senhora e sua família cheguem cedo para conseguir assento.
Crianças e adultos sentam-se lado a lado, e todos cantam em coro.
É fornecida uma folha de papel na entrada.
Essa folha deve ser restituída na saída, pois é usada durante todo o mês.
Quem chega atrasado pode usar a folha da pessoa que estiver ao lado.
Tudo o que se recolhe na W.C. vai para as crianças pobres da região, e fotógrafos tiram fotos que são publicadas nos jornais da cidade.
Assim todos podem ver seus semelhantes no cumprimento de um dever tão humano.

Um grande abraço,

Pastor William.”

7 thoughts on “Onde Fica o WC?

  1. Avatar
    Lino Tavares says:

    Giba
    Um (ou uma) W.C. desses (ou dessas) seria utilíssimo no Congresso Nacional e no Palácio do Planalto, em Brasília. Assim, todos os que "labutam" nessas casas do poder economizariam tempo, fazendo coletivamente, o que só sabem fazer, nas horas de desgoverno que passam lá, matando o tempo à espera dos polpudos salários, enquanto, do lado de cá, a gente trabalhos 4 meses no ano, para pagar a conta desse desperdício institucional chamado Governo.
    Abç
    jornalista Lino Tavares

  2. Avatar
    Mary says:

    Legal, Gilberto!
    A professora de Língua Portuguesa, na facul,usou esse texto p/
    fazer a diferenciação entre leitura objetiva e subjetiva.
    P/ vc ver q cada um tem pontos-de-vista diferentes.
    Depende dos olhos de quem vê… ou lê.
    Parabéns pelo post!
    Valeu!
    Mary.

  3. Avatar
    Ronald says:

    Hehehehehe… Divertidíssimo. O assento de veludo foi o melhor… Sabe que é uma idéia e tanto? Imagina? Sentar no veludo hahahaha

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.